CRESS realiza seminário regional do Dia da/o Assistente Social no Sertão alagoano

A A A A

O Conselho Regional de Serviço Social 16ª Região (CRESS/AL) realizou na última sexta-feira, dia 17, no Campus Sertão da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), na cidade de Delmiro Gouveia, o seminário regional em comemoração ao Dia da/o Assistente Social 2019, que neste ano tem como tema "Com o corte de direitos, quem é preta e pobre sofre primeiro".

A mesa de abertura foi composta pela presidente do CRESS/AL, Marciângela Gonçalves, pela Conselheira do CFESS Mauricleia Soares, pela assistente Social Edilma da UFAL/Campus Sertão, pelo coordenador presidente do Instituto Negro de Alagoas (INEG/AL), Jeferson Santos e pelo professor Gustavo Gomes, coordenador do Grupo Abí Axé Egbé. Marciângela destacou a importância do Regional realizar o seminário na região do Sertão, salientando o quanto espaços como este são fundamentais para aproximar a categoria do debate a cerca da profissão, e do quanto compreender as diversas formas de como o racismo se manifesta em nossa sociedade é fundamental para que a categoria profissional se coloque no combate cotidiano, num compromisso com o projeto ético-politico do Serviço Social. A conselheira ainda em sua fala, ao destacar a importância do tema da do Dia da/o Assistente Social deste ano, bem como da Campanha de Gestão do Conjunto CFESS/CRESS que convoca as/os Assistentes Sociais para o combate ao racismo, leu a Nota emitida pelo CRESS Alagoas, no último dia 13, de repúdio ao ataque contra a Casa Abassá de Angola, da Ialorixá Mãe Vera.

 

Após a mesa de abertura, ocorreu apresentação cultural do Grupo de Cultura Negra  Abi Axé Egbé. Em seguida foi iniciada a Mesa Redonda intitulada Regressão de Direitos tem classe e cor, com a conselheira Mauricleia Soares (CFESS) e o Prof. Jeferson Santos (INEG/AL).

 

Jeferson iniciou sua explanação destacando que o seminário é um momento importante e de formação para todos os profissionais e estudantes de Serviço Social onde é preciso estar ciente de que “o racismo está institucionalizado e presente em vários setores da sociedade, por isso a importância deste diálogo já que classe e cor sempre estiveram presentes na história do Brasil e infelizmente a cor ainda atua como diferencial social”.

A conselheira do CFESS Mauricleia Soares reforçou que a campanha tem o objetivo de fazer com que os/as assistentes sociais comecem a assumir o debate sobre o racismo.  “A classe trabalhadora em sua grande maioria é negra e o racismo está presente de várias formas, portanto cabe às/aos profissionais ter o cuidado no atendimento onde toda escuta tem que ser qualificada, para poder observar melhor a realidade social daquele/a indivíduo/a”.

Em seguida, os presentes participaram de um amplo debate junto com os palestrantes.

 

Arapiraca

 

Dando continuidade às atividades comemorativas do Dia da/o Assistente Social 2019, o CRESS/ALAGOAS realiza nesta quarta-feira, dia 22, no Planetário, na cidade de Arapiraca, o seminário da região Agreste, onde a Dra. Marli Araújo, assistente social docente da Faculdade de Serviço Social da UFAL, a Dra. Tereza Cristina Martins, assistente social docente do departamento de Serviço Social da UFS e o Msc. Leandro Rosa, membro do INEG/AL estarão debatendo o tema “Regressão de direitos tem classe e cor”.

Comentários

CFESS

Autarquia pública federal que tem a atribuição de orientar, disciplinar, normatizar, fiscalizar e defender o exercício profissional do/a assistente social no Brasil, em conjunto com os Conselhos Regionais de Serviço Social (Cress). Acesse o site aqui.

Fale Conosco

Tratar a sua manifestação com independência, isenção e ética é o nosso compromisso.



(82) 3221.5305
Rua Sete de Setembro, nº 184, Centro, Maceió (AL), por trás do Espaço cultural da UFAL. Horário de funcionamento: de segunda à quinta, das 13h às 17h, e sexta, das 9h às 13h.

© 2013 CRESS-AL. Todos os direitos reservados.
É proibida cópia total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.